Tópicos: Noite de encanto, TV Campos de Minas, Ouro negro, Mais despesas públicas