Editorial: A reflexão nessa Copa não é sobre futebol