? Marca do Pênalti 1015 | Gazeta de São João del-Rei - O Jornal do Campo das Vertentes
SÃO JOÃO DEL-REI, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018  •  Ano XX  •  O Jornal do Campo das Vertentes

Marca do Pênalti 1015

Tô de olho
Decisão insólita
A Federação Mineira de Futebol através do ofício 001/2018 publicou os requisitos para a disputa do campeonato sub 20 limitado a 15 clubes. Especialmente aquele que prevalece que o clube terá que ter participado ao menos de uma competição profissional em 2017 inviabiliza o ingresso de nossos clubes Athletic Club e Figueirense. Se junta a eles o Minas Boca e o Araxá que disputaram o sub 20 da temporada passada, ou seja, dos doze participantes restariam apenas oito que atenderiam a imposição de ter disputado uma das competições do profissional. Fica então descartada a hipótese de valorização da categoria sub 20 pela Federação. Ainda mais quando se constata a exigência do clube estar profissional para uma disputa de uma categoria considerada não profissional como é o caso da sub 20. Se analisarmos pelo lado dos clubes profissionais constatou-se que das 29 equipes disputantes dos módulos I, II e Segunda Divisão, 21 delas não disputaram a modalidade sub 20.

Uma coisa pode-se afirmar com certeza que a competição Segunda Divisão que é o primeiro degrau de acesso ao status ativo de clube profissional vem a partir de 2015 sofrendo um declínio de aceitação dos participantes. Em 2015, 15 clubes se habilitaram; em 2016 foram 14 clubes e na temporada passada uma queda acentuada de apenas nove clubes no sonho pelo acesso. Pode estar aí uma explicação para se condicionar que o clube disputante da sub 20 tenha que disputar o profissional. Agora, quanto aos possíveis motivos para a evasão desses clubes da Segunda Divisão, com menor porte e estrutura será assunto de estarmos de olho numa outra oportunidade.

UNIÃO SÃO JOÃO
2003

Em pé: Aroldo, Barão, Dande, Andre, Dedé, Ceará e Chiquinho. Agachados: Léo Patão, Modesto, Nilton Missa, Cláudio Cabral e Renê. - Foto: Arquivo Niltinho

Em pé: Aroldo, Barão, Dande, Andre, Dedé, Ceará e Chiquinho. Agachados: Léo Patão, Modesto, Nilton Missa, Cláudio Cabral e Renê. – Foto: Arquivo Niltinho