? Editorial: Verdadeiros campeões | Gazeta de São João del-Rei - O Jornal do Campo das Vertentes
SÃO JOÃO DEL-REI, Quinta-feira, 15 de Novembro de 2018  •  Ano XXI  •  O Jornal do Campo das Vertentes

Editorial: Verdadeiros campeões

Força, fé e resiliência, isso foi o que aprendemos com os meninos da Tailândia que ficaram presos por 18 dias em uma caverna. Doze adolescentes que formam o time de futebol Javalis Selvagens e o técnico marcaram um passeio em uma das cavernas tailandesas e ficaram presos em decorrência da chuva.

Sem comida, sem luz e água potável e com escassez de oxigênio, duas coisas seguraram os 13, esperançosos, em meio a escuridão: vontade de viver e fé. O técnico, de 25 anos, por algum tempo foi monge budista e aproveitou a sabedoria adquirida no templo para ensinar os meninos a meditar, manter a calma, a concentração e vibrar boas energias.

Foram 18 dias, 13 vidas lutando dentro da gruta, um mundo torcendo fora. Mobilização, a morte de um herói que levou suprimentos até eles, a esperança na humanidade.

Um acontecimento tão distante capaz de trazer o amor ao próximo que Cristo pregou. União, reza, três dias de resgate, 13 pais aflitos, 13 mães em prantos, infinitos corações apertados. Sucesso! 13 vidas salvas, Javalis Selvagens venceram a partida mais difícil da vida deles.

Uma vitória que vale cada grito de alívio, cada lágrima derramada, cada mão unida em prece. A Copa do Mundo definiu, antes mesmo de findadas as semifinais, o resultado final: Javalis Selvagens campeões da Copa 2018!