? Encontro de baterias movimenta Prados | Gazeta de São João del-Rei - O Jornal do Campo das Vertentes
SÃO JOÃO DEL-REI, Segunda-feira, 18 de Março de 2019  •  Ano XXI  •  O Jornal do Campo das Vertentes

Encontro de baterias movimenta Prados

O município de Prados vai cair na folia do pré-Carnaval a partir de hoje, 16, com a realização do segundo encontro de baterias no parque de exposições da cidade. Esse ano o evento recebe cinco grupos de baterias pertencentes ao município e também da região, que agitam a folia em dois dias. Hoje o encontro se inicia às 21h e amanhã, 17, às 14h.

a edição do encontro esse ano foi dividida em dois dias devido a quantidade de baterias inscritas - Foto: Jhow Amaro / Divulgação

A edição do encontro esse ano foi dividida em dois dias devido a quantidade de baterias inscritas – Foto: Jhow Amaro / Divulgação

As baterias Acadêmicos do Samba, da cidade de Dores de Campos, Uca e do Gato Preto, de Prados, agitam o primeiro dia. Durante os intervalos de apresentação a música fica por conta dos DJ’s Maicon e Feroz. O segundo dia de folia recebe a bateria do Tudo Azul (Dores de Campos) e Show Locomotiva de São João del-Rei, nos intervalos DJ Hut e DJ Rond Mix esquentam a alegria dos foliões.

O domingo também recebe atrações culturais que resgatam a memória do município. “Será feita uma exibição de fotos antigas de Carnavais passados em Prados, fantasias e também apresentação do Boi Mofado que é uma tradição da cidade, voltada para as crianças”, comenta o chefe de serviços de cultura e turismo da prefeitura, Gilcimar Santos.

Entrada
A entrada de hoje tem o valor de R$ 10, uma parte do montante arrecadado será revertido para uma instituição de caridade. Amanhã será pedido um quilo de alimento não perecível que também será doado. Serão comercializadas comidas e bebidas dentro do espaço e a expectativa é que compareça um público de duas mil pessoas por dia para sambar e já entrar no clima do Carnaval.

Tradições
O Boi Mofado consiste em uma armação de ferro e bambu coberto por um tecido caracterizado para chamar a atenção do público. Recebeu esse nome devido ao longo tempo em que a fantasia ficava sem ser utilizada, já que era vestida somente uma vez por ano, o que provocava o mofo do tecido. A tradição surgiu através de brincadeiras na zona rural do município e atualmente é uma das atrações mais marcantes do Carnaval em Prados.

Outra tradição que surgiu através de simples manifestações é a bateria do Gato Preto. O bloco recebeu esse nome pois 12 amigos se fantasiavam com máscaras feitas de papelão em formato de gato, além de também usarem estandartes com desenhos do animal. Até então, o grupo ainda não havia recebido um nome, com o passar do tempo começou a ser reconhecido como bloco do Gato Preto e, atualmente, sua bateria é a marca forte do Carnaval pradense.