? Fotógrafa representa a região das Vertentes em concurso nacional | Gazeta de São João del-Rei - O Jornal do Campo das Vertentes
SÃO JOÃO DEL-REI, Domingo, 21 de Abril de 2019  •  Ano XXI  •  O Jornal do Campo das Vertentes

Fotógrafa representa a região das Vertentes em concurso nacional

A fotografia, usada tanto como hobby tanto quanto profissionalmente, pode romper barreiras. Prova disso é a fotógrafa e jornalista, Thais Andressa, que teve seu talento reconhecido e levou o nome de Minas Gerias e principalmente a região das Vertentes mais uma vez para um concurso nacional.

A técnica utilizada foi de fotografias de rua tiradas através de reflexos - Foto: Thaís Andressa / Divulgação

A técnica utilizada foi de fotografias de rua tiradas através de reflexos – Foto: Thaís Andressa / Divulgação

A fotógrafa garantiu o segundo lugar na terceira edição do Concurso Cultural Fotográfico promovido pelo site Tudo Pra Foto. A competição é a nível nacional e a foto de Thais foi uma das seis classificadas pela comissão julgadora do site. Entre os selecionados estavam participantes dos estados de Ceará, Bahia, Rio de Janeiro, Maranhão e Minas Gerais.

Thais comemora mais essa conquista em sua carreira. “A fotografia possibilitou um sentido para minha vida acadêmica e ter meu trabalho reconhecido em um concurso nacional é motivador, além de somar em meu portfólio. Quero me dedicar ao desenvolvimento do meu olhar na fotografia e encontrar inspiração nas poéticas urbanas e demais vertentes. Houve um júri de fotógrafos que escolheu as seis melhores imagens dentro da temática. Fiquei surpresa quando soube que a minha estava entre as escolhidas. Já foi uma conquista passar pela primeira fase. Já a segunda etapa, consistiu no voto popular na rede social Instagram, no qual minha imagem obteve 6.770 votos”, comenta.

FOTO ESCOLHIDA
A fotógrafa trabalha com Street Photography (Fotografia de Rua) e a técnica utilizada foi a de registrar imagens a partir do reflexo de poças de água e outras superfícies espelhadas. A fotografia escolhida para o concurso foi do reflexo de uma apresentação do congado são-joanense, um dos grandes movimentos culturais da cidade, realizada em julho de 2018. Como prêmio pela segunda colocação ela recebeu um kit contendo um Marte Estúdio de Iluminação Contínua, composto por dois softbox’s 50x70cm, oito lâmpadas 45W e dois tripés de iluminação, equipamentos que são práticos para transporte, podendo ser utilizados em fotos internas e externas.